Blog do Notre


Aprendizagem Socioemocional

Por

O termo aprendizagem socioemocional, formalmente descrito há aproximadamente 24 anos, nos Estados Unidos, refere-se ao processo pelo qual os estudantes aprendem habilidades e competências sociais e emocionais, inseridas no currículo escolar, e que os auxilia em seu desenvolvimento pleno e integral.

São cinco os pilares da aprendizagem socioemocional: autoconhecimento, autocontrole, empatia, decisões responsáveis e habilidades de relacionamentos sociais. Como autoconhecimento entende-se que o indivíduo precisa reconhecer suas emoções e pensamentos e compreender de que maneira eles influenciam em seu comportamento.

O autocontrole é a capacidade de o indivíduo controlar suas próprias emoções, pensamentos e comportamentos. Empatia significa assumir a perspectiva do outro e decisões responsáveis constitui em fazer escolhas construtivas, com base nos valores e princípios éticos. As habilidades de relacionamentos sociais buscam desenvolver a capacidade das pessoas de aprenderem ouvir e falar, com comunicação clara e cooperação.

No Brasil, a aprendizagem socioemocional é algo relativamente novo, mas a Base Nacional Comum Curricular (BNCC) veio reiterar a importância desse tipo de educação nas escolas. A BNCC estabelece conhecimentos, habilidades e competências que o aluno precisa aprender no contexto escolar; das dez competências listadas, quatro são claramente socioemocionais.

O Colégio Notre Dame Campinas, buscando formação integral do aluno, iniciará em 2019, de maneira estruturada, a aprendizagem socioemocional, com a adoção do Programa Semente. Com aulas curriculares, material estruturado, com objetivos claros e bem definidos, o Programa Semente tem apresentado impactos positivos na saúde mental, nas habilidades sociais e no desempenho acadêmico dos alunos.

Por Michele Furlan, Orientadora Educacional do Ensino Médio

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *